Anúncio
SAUDE

Paraguaio vindo de outro estado hospedado em Hotel em Ponta Porã se acorrenta em poste na linha Internacional em protesto ao Governo Paraguaio.

Paraguaio vindo de outro estado hospedado em Hotel em Ponta Porã se acorrenta em poste na linha Internacional em protesto ao Governo Paraguaio.

12/05/2020 15h05
Por: administrador
Fonte: poranews
1.595

Este é um cidadão paraguaio que está hospedado em um hotel em Ponta Porá há mais de três semanas, juntamente com outros 15 compatriotas que as autoridades de saúde não lhes permitem entrar no território nacional. Até o momento, na cidade de Pedro Juan Caballero, não havia um único local habilitado como albergue.

 

Os 16 cidadãos aguardam o momento para receber a autorização correspondente para entrar no território nacional e cumprir a quarentena conforme indicado pelo Ministério da Saúde, porém devido à incompetência e a preguiça das autoridades da Região Sanitária não pode fazê-lo, porque até agora não há lugar definido para abrigar os compatriotas.

 

É inexplicável que, dois meses após a quarentena, ainda não haja um lugar para quem chega ao território nacional para fazer sua quarentena, apesar do Conselho Local de Saúde ter recebido recentemente cerca de 2.500 milhões de garantias que seriam usadas nas medidas de mitigação para prevenir o Covid-19. Paraguaio vindo de outro estado hospedado em Hotel em Ponta Porã se acorrenta em poste na linha Internacional em protesto ao Governo Paraguaio.

 

O mesmo esta recebendo apoio de autoridades brasileiras Vereador Marcelino Nunes e o Diretor do Hospital Regional de Ponta Porã Patrick Derzi para fazer o teste de covid-19.

" Quero dizer as autoridades paraguaia, agora vou fazer do lado Brasileiro que me deu a oportunidade de fazer o teste, vou fazer e lhes dou três horas para resolver e se isso não se resolver vou fazer um protestos de fome, para que me escutem... Aqui me assistem os irmãos brasileiros graças ao apoio deles vou fazer o teste, muito obrigado" disse o paraguaio

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários