Domingo, 12 de Julho de 2020
+595 98274 5952
Polícia policial

Após 30 anos de existência, DOF terá sede própria

O Edital para a licitação da obra foi divulgado nesta sexta-feira (27)

27/06/2020 14h30
300
Por: administrador Fonte: msemfoco
Após 30 anos de existência, DOF terá sede própria

Na Semana Nacional de Combate ao Tráfico de Drogas, o Governo do Estado publicou no Diário Oficial desta sexta-feira (26.6), por meio da Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), a licitação para a construção da nova sede do Departamento de Operações de Fronteira, em Dourados. O DOF é o maior responsável pela apreensão de entorpecentes em Mato Grosso do Sul.

Para o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Antonio Carlos Videira, a edificação de uma sede moderna é uma grande conquista. “É um reconhecimento do Governo do Estado da importância Departamento de Operações de Fronteira e da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira) nos crimes transfronteiriços, justamente em um momento em que o departamento quebra todos os recordes de apreensão de drogas”, disse. Somente no ano passado, as forças de segurança de Mato Grosso do Sul apreenderam 367 toneladas de entorpecentes – um crescimento de 8% em relação a 2018.

 

Videira afirmou ainda que a construção da nova se tornou uma necessidade por conta não apenas do combate ao narcotráfico, mas também pelo grande volume apreendido de veículos roubados, que seriam levados para outros países, além de produtos de contrabando e descaminho. Hoje o departamento funciona em um prédio cedido ao Estado em regime de comodato.

Segundo o diretor do DOF, Coronel QOPM Wagner Ferreira da Silva, a sede própria é aguardada há mais de 30 anos. “É um sonho de muitos profissionais que passaram por esta importante unidade policial e foi alvo de incansável trabalho de muitos diretores do DOF. A publicação da licitação desta obra representa a execução de um plano ousado do Governo do Estado para modernizar as estruturas de enfrentamento ao crime na nossa região de fronteira”.

 

Criado em 1987 com o nome de Grupo de Operações de Fronteira (GOF), o DOF atua em 53 municípios do Estado, com a presença mais efetiva na fronteira com o Paraguai e com a Bolívia , inclusive, em uma extensa área rural.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.