Anúncio
Ponta Porã

Vereadores de Ponta Porã mantêm ritmo de trabalho e promovem sessão virtual

A sessão foi marcada pelo retorno de três parlamentares

08/04/2020 09h13
Por: Redação
Fonte: Assessoria de Comunicação
341
Presidente da Casa de Leis, Rony Lino comandou sessão ordinária realizada por meio da tecnologia.
Presidente da Casa de Leis, Rony Lino comandou sessão ordinária realizada por meio da tecnologia.

A Câmara Municipal de Ponta Porã promoveu na manhã de terça-feira, 7 de abril, uma sessão ordinária em que os vereadores analisaram as ações que estão sendo desenvolvidas na prevenção e combate ao novo coronavirus no município.

            A sessão foi virtual, ou seja, cada parlamentar, em seu gabinete, participou dos trabalhos através da internet, evitando desta forma o contato físico com os demais colegas e servidores, obedecendo às normas estabelecidas pelo Ministério da Saúde neste momento em que ocorre a pandemia do novo coronavirus, covid 19.

            A utilização desta tecnologia unindo os parlamentares por meio da internet é uma atitude inédita no Parlamento de Ponta Porã.

            Os parlamentares elogiaram os trabalhos desenvolvidos pela Prefeitura de Ponta Porã no tocante às medidas de prevenção. Também aproveitaram para chamar a atenção da população para a necessidade de se evitar a dengue, doença que está atingindo muitos moradores. "Além da preocupação com a pandemia do coronavirus é preciso estar atento aos cuidados de prevenção da dengue. Temos conhecimento de que é grande o número de pessoas atendidas nas unidades de saúde acometidas pela dengue", frisaram os vereadores nos seus pronunciamentos.

            Na sessão deu entrada o Projeto de Lei N° 10/2020 que dispõe sobre a suspensão do cumprimento de obrigações financeiras referentes aos empréstimos consignados contratados por servidores públicos municipais de Ponta Porã, de autoria do vereador Paulinho Roberto do PT. O projeto prevê a suspensão pelo prazo de 90 dias dos pagamentos destes empréstimos por parte dos servidores. Uma medida que representa apoio para os funcionários públicos neste momento de dificuldade. O projeto será analisado pelas comissões temáticas da Casa e depois colocado em votação no Plenário.

            A sessão foi marcada pelo retorno de três parlamentares: Marcelino Nunes de Oliveira, Otaviano Cardoso e Rafael Modesto que retomaram às atividades parlamentares  por cota da legislação eleitoral. Eles estavam ocupando cargos na Prefeitura e tiveram que retornar à Casa de Leis por força da legislação. Desta forma, os suplentes Beth Almeida, Laercio Martins e Radialista Aleixo Alves, deixaram a Câmara Municipal de Ponta Porã.

            Outro destaque da sessão foi a comunicação de mudanças de partido por parte de cinco vereadores. Os vereadores Edinho Quintana, Rafael Modesto, Edevaldo Mattoso Barbosa comunicaram filiação no PSDB que se tornou a legenda com maior número de parlamentares na Casa. O vereador Marcelino Nunes também comunicou sua entrada no PDT e o vereador Farid Afif trocou o MDB pelo Democratas (DEM). O vereador Agnaldo Miudinho também passou a fazer parte da bancada do DEM.

            O presidente da Câmara Municipal, Rony Lino Miranda, disse que a realização da sessão virtual obedece a legislação vigente no país e é uma demonstração de que os vereadores seguem o trabalho normal. "Vivemos um momento de grande preocupação. Nossa população precisa ser atendida e a Câmara Municipal está ao lado dos moradores, apoiando as ações desenvolvidas pelas demais autoridades para garantir a saúde dos pontaporanenses neste momento tão difícil. Estaremos aqui trabalhando, cumprindo o nosso papel", garantiu Rony Lino.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários